sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Derrota copiosa na Supertaça de Futsal

Futsal - Supertaça Nacional 2019

Resultado Final: SL BENFICA 2 - 6 Sporting

(0-2 ao Intervalo)

Marcadores: Fits, Fernandinho.





Porque o SL Benfica não é só Futebol...(Andebol e Futsal - Antevisão da Época 2019/2020)

Final de Agosto coincide com o arranque de 2019/2020 para as modalidades de pavilhão do SL Benfica. Maia e Torres Novas são os locais onde o Glorioso precisa de todo o apoio da sua numerosa massa adepta. Queremos ver a Supertaça de Futsal no Museu Cosme Damião!

Fique com a nossa perspectiva dos dois desafios.


Já nesta Sexta-feira, pelas 20h45, disputa-se a Supertaça Nacional de Futsal, no Palácio de Desportos em Torres Novas. Os dois arqui-rivais, Benfica e Sporting, medem forças no jogo que marca o arranque da época oficial 2019-2020. O recém criado Canal 11 transmitirá o Derby em directo e exclusivo.

Entre águias e leões pouco ou nada há a dizer. São duas formações fortíssimas, recheada de atletas do melhor que há no mundo e que dominam há largos anos o panorama nacional. O Benfica chega a esta ocasião como Campeão Nacional e vencedor da Taça da Liga, ao passo que o Sporting é o actual Campeão Europeu da modalidade e ergueu a Taça de Portugal na pretérita edição da prova-rainha.

Será por certo um duelo titânico em busca do primeiro troféu da temporada que encerra a segunda década do séc. XXI. Não há segredos entre estas duas equipas. Os dois técnicos sabem bem os pontos fracos e fortes do seu oponente, quer no processo defensivo quer ofensivamente. Esperamos que o Benfica mantenha a bitola da época passada com bastante combatividade e união. Já se sabe que numa fase tão embrionária da época os dois colectivos estarão longe do seu nível máximo, mas com tanta individualidade de qualidade inegável isso poderá ser atenuado e podemos assistir a um digno espectáculo. Cabe ao Benfica conseguir evitar que os artistas do lado leonino assumam preponderância no decorrer do jogo, e ser implacável quando surgir as oportunidades para colocar o esférico no interior da baliza dos homens conduzidos por Nuno Dias.

E temos então uma nova época com Joel Rocha a manter-se no comando técnico. A aposta mantém-se premiando o facto de ter quebrado a hegemonia sportinguista. Não é consensual mas a maioria dos benfiquistas concorda com a manutenção do treinador. Importa lembrar que no Benfica ganhar não chega! Nunca nos cansamos de ganhar. Há que dar continuidade à rota do sucesso, cumprindo assim o nosso desígnio. Não nos esquecemos nem dos azares nem dos erros cometidos noutras épocas. Há que fazer a devida reflexão e nunca se dar por satisfeito. No Benfica só se pode admitir que se conjugue permanentemente o verbo "ganhar".

Não se registaram muitas mudanças no Campeão. Entraram Fernando Drasler (fixo brasileiro de 31 anos), André Sousa (guarda-redes internacional luso) proveniente do Sporting tal como o jovem Célio Coque. Veremos se serão um valor acrescentado. Raul Campos e Marc Tolrà terminaram a sua ligação com o Benfica. Ambos os espanhóis revelaram qualidade (pese embora ter ficado na retina a ideia de que não extraímos o máximo rendimento do duo) na sua passagem por Lisboa mas estão de regresso ao seu país. De salientar ainda a política de emprestar bons jovens valores a equipas do principal escalão nacional de forma a adquirirem um maior ritmo competitivo, como são os casos de Cristiano Marques (Eléctrico), Bruno Graça (Eléctrico), Silvestre Ferreira (Eléctrico), Tiaguinho (Módicus), Bruno Pinto (Leões de Porto Salvo) e Jacaré (Futsal Azeméis).

Esperamos então que o Benfica continue forte na quadra e que se imponha com autoridade em Portugal e na UEFA Futsal Cup. Temos essa responsabilidade! Somos favoritos à conquista de todos os troféus nacionais. Estamos no topo no Futsal e temos legítimas aspirações à glória europeia. Obviamente que temos de nos qualificar para a "Final Four", algo que nos escapa há três anos.

Supertaça Nacional 2019

Sexta - dia 30:


SL BENFICA-Sporting 20h45 Canal 11


Na Maia, pelas 19 horas de Sábado, a turma dirigida por Carlos Resende defronta o ISMAI na jornada inaugural da 1ª Fase do Campeonato Nacional de Andebol.

Máximo respeito pela turma nortenha. Todo o cuidado é pouco. O ISMAI é uma formação tradicionalmente aguerrida no seu reduto e tentará ao máximo explorar os nossos erros ou menor entrosamento das unidades encarnadas. Se deixarmos o adversário acreditar que nos possa derrubar pode ser "um osso duro de roer". O Benfica tem de mostrar quem manda, no jogo de transições e no ataque planeado, desde a fase tenra da partida e não permitir ao conjunto maiato qualquer veleidade, revelando concentração defensiva e critério/eficácia na componente atacante. Aguardamos com expectativa redobrada a resposta das aquisições encarnadas.

Houve uma certa reestruturação, é inquestionável. Carlos Resende permanece no cargo de treinador. É uma opção que todos concordamos, porém não goza de um estatuto especial, bem pelo contrário. Tem de provar o porquê de ser o "Senhor Andebol". Está na altura de nos colocar no trilho das conquistas. Quanto ao plantel, saíram vários atletas e claro está fomos ao mercado. Fim de ciclo para o veterano Hugo Figueira, João Silva, Ales Silva, Arthur Patrianova e Stefan Terzic. Alexandre Cavalcanti abraça uma aventura na elite do andebol europeu, rumando a solo francês (HBC Nantes). No sentido inverso, há várias caras novas, a saber: Petar Djordjic (lateral-esquerdo), Gustavo Capdeville (guarda-redes) que regressa à casa-mãe após cumprir empréstimo ao Madeira SAD tal como o jovem talentoso e multifacetado Francisco Pereira, Carlos Molina (lateral-esquerdo), René Toft Hansen (pivot) e Romé Hebo (central emprestado pelo 1º Agosto, já anunciado mas ainda não está em vigor). Os reforços todos eles vêem dar um "upgrade" qualitativo e quantitativo ao plantel às ordens de Carlos Resende, por isso esperamos que se afirmem e façam estragos em benefício das nossas cores, uns para garantir segurança e consistência defensiva, outros para desequilibrar e nos fortalecer e de que maneira no ataque à baliza contrária.

É nossa convicção que estamos melhor apetrechados. Veremos o que estas peças todas, a juntar àquelas que transitam da época passada, funcionam em prol da equipa. Na EHF Cup exige-se uma prestação digna. Não adianta pensar em voos altos. Há que procurar encarar cada passo de "per si". Em termos domésticos, sabemos bem que o Sporting e o FC Porto são fortes concorrentes na luta por todos os troféus em discussão. Mas urge nos transcendermos e superiorizarmos estes dois rivais. São largos anos sem conseguir arrecadar o ceptro nacional. Façam o favor de nos dar o tão desejado título, em vez de contribuírem para que esta seja a modalidade com menos impacto no universo benfiquista!

Campeonato Nacional (1ª Fase) - Jogos da 1ª Jornada

Sábado - dia 31:

ISMAI-SL BENFICA 19h
Boa Hora FC-Sporting 16h
FC Gaia-V. Setúbal 17h
ABC-Belenenses 17h30
Boavista-AA Avanca 18h

Quarta - dia 26 de Outubro:

Sp. Horta-Águas Santas 21h

Madeira SAD 18-32 FC Porto


Para consulta de tudo sobre a época 2019/2020 das modalidades, pode ver aqui:





Porque o SL Benfica não é só Futebol...

SPORT LISBOA E BENFICA!!! 1904!!!





Voleibol SL Benfica - 2018/2019

Plantel de Voleibol do SL Benfica 2018/2019

Oposto
Hugo Gaspar (Capitão) [8]
Theo Lopes [6]

Zona 4
André Lopes [3]
Frederic Winters [15]
Bernardo Martins [10]
Raphael Oliveira [1]

Central
Zelão [16]
Honoré
 [9]
Filip Cveticanin [11]
Peter Wohlfahrtstatter [4]
Miguel Sinfrónio [14]

Distribuidor
Nuno Pinheiro [20]
Tiago Violas [17]
Manuel Rodrigues [5]

Líbero 
Ivo Casas [7]
João Simões [22]

Equipa Técnica de Voleibol do SL Benfica 2018/2019

Treinador: Marcel Matz
Treinador Adjunto: Rodrigo Barroso
Coordenador Técnico: José Jardim
Presidente da Secção: Rui Mourinha
Team Manager: Rui Guedes
Fisioterapeuta: Teresa Antunes
Fisiologista: Duarte Teixeira
Técnicos de Equipamentos: Paulo Rocha
Seccionista: Evaristo Silva



Época 2018/2019

Campeonato Nacional da 1ª Divisão 

O modelo competitivo sofreu alterações. A 1ª Fase conta agora com catorze equipas, que irão disputar duas voltas entre si. Os quatro primeiros são apurados para os Playoffs para disputar o título de Campeão Nacional. Um resultado de 3-0 ou 3-1 dá três pontos à equipa vencedora e zero à equipa vencida, já um resultado de 3-2 dá dois pontos à equipa vencedora e um ponto à equipa perdedora.

Classificação da 1ª Fase do Campeonato Nacional 

1. SL BENFICA, 26 jogos/75 pontos
2. Sporting, 26/71
3. Sp. Espinho, 26/55
4. Fonte Bastardo, 26/54
5. V. Guimarães, 26/52
6. Esmoriz, 26/45
7. Ac. São Mamede, 26/38
8. Famalicense, 26/34
9. SC Caldas, 26/30
10. Leixões, 26/28
11. Castêlo da Maia, 26/27
12. VC Viana, 26/26
13. Ac. Espinho, 26/8
14. Clube K, 26/3

1ª Volta

1ª Jornada

SL BENFICA 3-1 V. Guimarães, (28-26; 22-25; 25-18; 26-24)
Ac. Espinho 2-3 Famalicense, (25-17; 25-16; 20-25; 21-25; 5-15)
Sp. Espinho 1-3 Sporting, (29-31; 26-24; 20-25; 20-25)
Esmoriz 3-2 Ac. São Mamede, (26-28; 17-25; 25-22; 25-14; 15-12)
SC Caldas 1-3 Leixões, (24-26; 25-19; 12-25; 18-25)
Clube K 0-3 Fonte Bastardo, (19-25; 12-25; 16-25)
Castêlo da Maia 3-2 VC Viana, (25-23; 20-25; 25-20; 21-25; 15-13)

2ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Ac. Espinho, (25-10; 25-12; 25-16)
Sp. Espinho 0-3 Esmoriz, (22-25; 21-25; 19-25)
Ac. São Mamede 3-0 Clube K, (25-15; 25-16; 25-7)
SC Caldas 3-0 V. Guimarães, (26-24; 25-21; 25-21)
Castêlo da Maia 0-3 Sporting, (17-25; 20-25; 20-25)
Famalicense 1-3 Fonte Bastardo, (18-25; 25-21; 20-25; 23-25)
VC Viana 0-3 Leixões, (11-25; 22-25; 19-25)

3ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Sp. Espinho, (25-19; 25-23; 25-23)
Leixões 3-0 Ac. Espinho, (25-18; 25-22; 25-22)
VC Viana 3-2 Fonte Bastardo, (25-23; 20-25; 25-23; 15-25; 15-12)
SC Caldas 3-1 Ac. São Mamede, (26-24; 25-21; 20-25; 25-19)
Esmoriz 3-0 Clube K, (25-10; 25-4; 25-11)
Castêlo da Maia 2-3 V. Guimarães, (25-23; 21-25; 25-17; 16-25; 11-15)
Sporting 3-0 Famalicense, (25-22; 25-17; 25-13)

4ª Jornada

Sporting 2-3 SL BENFICA, (25-22; 22-25; 27-25; 23-25; 10-15)
V. Guimarães 3-0 Esmoriz, (25-21; 25-22; 25-19)
Ac. Espinho 1-3 Ac. São Mamede, (23-25; 25-22; 19-25; 23-25)
SC Caldas 3-1 VC Viana, (21-25; 25-22; 25-21; 25-23)
Sp. Espinho 3-0 Fonte Bastardo, (25-18; 25-20; 25-19)
Famalicense 3-1 Castêlo da Maia, (25-21; 25-27; 25-14; 26-24)
Clube K 0-3 Leixões, (26-28; 19-25; 16-25)

5ª Jornada

Ac. São Mamede 1-3 SL BENFICA, (21-25; 29-27; 13-25; 17-25)
Leixões 2-3 Castêlo da Maia, (25-22; 21-25; 19-25; 25-23; 6-15)
Clube K 0-3 Sporting, (22-25; 16-25; 9-25)
VC Viana 3-2 Famalicense, (25-23; 25-22; 21-25; 23-25; 15-11)
Fonte Bastardo 3-0 SC Caldas, (25-15; 25-23; 25-20)
Esmoriz 3-1 Ac. Espinho, (25-21; 25-16; 17-25; 25-18)
V. Guimarães 3-0 Sp. Espinho, (25-23; 29-27; 25-18)

6ª Jornada

Famalicense 1-3 SL BENFICA, (25-14; 13-25; 8-25; 19-25)
Clube K 1-3 SC Caldas, (19-25; 25-21; 22-25; 25-27)
Sporting 3-0 Ac. Espinho, (25-18; 25-15; 25-15)
Leixões 2-3 Ac. São Mamede, (25-18; 19-25; 27-25; 20-25; 10-15)
VC Viana 3-1 Esmoriz, (25-21; 25-19; 19-25; 25-16)
Castêlo da Maia 0-3 Sp. Espinho, (20-25; 16-25; 20-25)
Fonte Bastardo 3-1 V. Guimarães, (25-14; 22-25; 25-21; 25-19)

7ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Esmoriz, (25-15; 25-19; 25-22)
Ac. Espinho 1-3 VC Viana, (18-25; 18-25; 25-23; 21-25)
SC Caldas 0-3 Sporting, (14-25; 16-25; 23-25)
Ac. São Mamede 0-3 Sp. Espinho, (18-25; 16-25; 17-25)
Leixões 1-3 Famalicense, (25-15; 17-25; 32-34; 16-25)
Fonte Bastardo 3-1 Castêlo da Maia, (25-14; 22-25; 25-16; 25-20)
Clube K 0-3 V. Guimarães, (20-25; 16-25; 21-25)

8ª Jornada

SL BENFICA 3-0 VC Viana, (25-17; 25-13; 25-18)
Ac. Espinho 1-3 SC Caldas, (30-32; 16-25; 25-23; 19-25)
Sp. Espinho 3-0 Famalicense, (25-21; 25-21; 25-20)
Esmoriz 0-3 Leixões, (20-25; 16-25; 16-25)
V. Guimarães 0-3 Sporting, (17-25; 28-30; 14-25)
Ac. São Mamede 3-2 Fonte Bastado, (14-25; 25-18; 25-21; 12-25; 15-11)
Clube K 0-3 Castêlo da Maia, (11-25; 20-25; 18-25)

9ª Jornada

SC Caldas 1-3 SL BENFICA, (23-25; 25-20; 18-25; 22-25)
Sp. Espinho 3-0 Clube K, (25-14; 25-22; 25-15)
Ac. Espinho 0-3 Fonte Bastardo, (18-25; 10-25; 16-25)
Sporting 3-0 Leixões, (25-17; 25-17; 25-11)
Esmoriz 3-1 Castêlo da Maia, (25-21; 19-25; 25-19; 25-19)
VC Viana 0-3 V. Guimarães, (24-26; 17-25; 20-25)
Famalicense 1-3 Ac. São Mamede, (21-25; 25-17; 16-25; 21-25)

10ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Leixões, (25-20; 25-13; 25-17)
V. Guimarães 3-1 Ac. Espinho, (28-26; 17-25; 25-23; 25-19)
Ac. São Mamede 1-3 Sporting, (22-25; 25-22; 18-25; 18-25)
Famalicense 3-0 Clube K, (28-26; 25-18; 25-22)
Esmoriz 2-3 Fonte Bastardo, (16-25; 25-22; 25-23; 19-25; 14-16)
Sp. Espinho 3-0 VC Viana, (26-24; 25-23; 31-29)
Castêlo da Maia 2-3 SC Caldas, (25-19; 25-21; 22-25; 22-25; 17-19)

11ª Jornada

Clube K 0-3 SL BENFICA(20-25; 10-25; 17-25)
Esmoriz 3-0 SC Caldas, (25-22; 25-18; 25-20)
Ac. Espinho 0-3 Sp. Espinho, (14-25; 16-25; 17-25)
V. Guimarães 3-1 Famalicense, (16-25; 25-16; 25-23; 25-22)
Fonte Bastardo 3-0 Leixões, (25-20; 25-20; 25-21)
Ac. São Mamede 3-1 Castêlo da Maia, (25-22; 25-17; 15-25; 25-22)
Sporting 3-0 VC Viana, (25-15; 25-19; 25-20)

12ª Jornada

Fonte Bastardo 3-2 SL BENFICA, (21-25; 23-25; 28-26; 26-24; 21-19)
Castêlo da Maia 3-2 Ac. Espinho, (25-19; 25-16; 22-25; 25-27; 15-9)
Sporting 3-1 Esmoriz, (25-15; 23-25; 25-20; 25-15)
Ac. São Mamede 1-3 V. Guimarães, (25-15; 21-25; 20-25; 21-25)
Famalicense 3-1 SC Caldas, (24-26; 25-15; 27-25; 25-19)
VC Viana 3-0 Clube K, (25-12; 25-17; 25-13)
Leixões 1-3 Sp. Espinho, (21-25; 25-22; 16-25; 19-25)

13ª Jornada

Castêlo da Maia 0-3 SL BENFICA, (23-25; 23-25; 20-25)
SC Caldas 1-3 Sp. Espinho, (25-23; 20-25; 15-25; 19-25)
Ac. Espinho 3-0 Clube K, (25-22; 25-16; 25-17)
Famalicense 2-3 Esmoriz, (13-25; 25-19; 25-22; 21-25; 14-16)
VC Viana 0-3 Ac. São Mamede, (23-25; 24-26; 21-25)
Leixões 1-3 V. Guimarães, (19-25; 17-25; 25-16; 23-25)
Fonte Bastardo 0-3 Sporting, (14-25; 21-25; 23-25)

2ª Volta

14ª Jornada

Ac. Espinho 0-3 SL BENFICA, (13-25; 10-25; 26-28)
V. Guimarães 3-0 SC Caldas, (29-27; 28-26; 25-22)
Esmoriz 3-0 Sp. Espinho, (25-16; 25-19; 27-25)
Clube K 0-3 Ac. São Mamede, (18-25; 22-25; 19-25)
Sporting 3-0 Castêlo da Maia, (25-17; 25-16; 25-20)
Fonte Bastardo 3-0 Famalicense, (25-18; 25-21; 25-22)
Leixões 1-3 VC Viana, (23-25; 17-25; 25-16; 21-25)

15ª Jornada

VC Viana 0-3 SL BENFICA(17-25; 23-25; 10-25)
SC Caldas 3-0 Ac. Espinho, (25-18; 31-29; 25-14)
Famalicense 0-3 Sp. Espinho, (12-25; 18-25; 19-25)
Sporting 3-0 V. Guimarães, (25-21; 25-11; 25-18)
Castêlo da Maia 3-0 Clube K, (25-20; 25-17; 25-19)
Fonte Bastado 3-1 Ac. São Mamede, (18-25; 28-26; 25-10; 25-19)
Leixões 0-3 Esmoriz, (19-25; 19-25; 17-25)

16ª Jornada

Leixões 1-3 SL BENFICA(34-32; 13-25; 14-25; 17-25)
Ac. Espinho 0-3 V. Guimarães, (20-25; 23-25; 14-25)
Sporting 3-0 Ac. São Mamede, (25-21; 25-10; 25-15)
Fonte Bastardo 3-1 Esmoriz, (25-20; 13-25; 25-23; 25-15)
VC Viana 0-3 Sp. Espinho, (17-25; 14-25; 18-25)
Clube K 0-3 Famalicense, (17-25; 20-25; 13-25)
SC Caldas 3-2 Castêlo da Maia, (17-25; 23-25; 25-23; 25-21; 15-11)

17ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Ac. São Mamede, (25-19; 25-13; 25-18)
Sp. Espinho 3-0 V. Guimarães, (25-19; 25-16; 25-20)
Castêlo da Maia 2-3 Leixões, (19-25; 13-25; 25-22; 25-20; 9-15)
Famalicense 3-0 VC Viana, (26-24; 25-21; 26-24)
Ac. Espinho 0-3 Esmoriz, (19-25; 14-25; 15-25)
Sporting 3-0 Clube K, (25-12; 25-13; 25-6)
SC Caldas 0-3 Fonte Bastardo, (22-25; 22-25; 20-25)

18ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Clube K, (25-10; 25-16; 25-9)
Castêlo da Maia 1-3 Ac. São Mamede, (25-21; 29-31; 15-25; 22-25)
Leixões 1-3 Fonte Bastardo, (25-22; 9-25; 24-26; 29-31)
SC Caldas 1-3 Esmoriz, (16-25; 11-25; 25-20; 13-25)
VC Viana 0-3 Sporting, (22-25; 12-25; 17-25)
Famalicense 3-2 V. Guimarães, (25-19; 25-27; 22-25; 25-21; 16-14)
Sp. Espinho 3-0 Ac. Espinho, (25-16; 25-14; 25-18)

19ª Jornada

Sp. Espinho 0-3 SL BENFICA, (12-25; 18-25; 27-29)
V. Guimarães 3-0 Castêlo da Maia, (29-27; 25-17; 25-21)
Ac. Espinho 0-3 Leixões, (18-25; 22-25; 19-25)
Ac. São Mamede 3-0 SC Caldas, (25-21; 25-21; 25-20)
Clube K 0-3 Esmoriz, (17-25; 8-25; 14-25)
Fonte Bastardo 0-3 VC Viana, (20-25; 21-25; 23-25)
Famalicense 0-3 Sporting, (20-25; 23-25; 19-25)

20ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Sporting, (26-24; 25-15; 25-21)
VC Viana 0-3 SC Caldas, (23-25; 20-25; 22-25)
Leixões 3-0 Clube K, (25-14; 25-12; 25-18)
Esmoriz 1-3 V. Guimarães, (25-16; 16-25; 22-25; 21-25)
Ac. São Mamede 3-0 Ac. Espinho, (25-17; 25-23; 25-15)
Castêlo da Maia 2-3 Famalicense, (25-20; 20-25; 25-22; 22-25; 19-21)
Fonte Bastardo 3-2 Sp. Espinho, (25-23; 17-25; 19-25; 25-14; 17-15)

21ª Jornada

V. Guimarães 0-3 SL BENFICA (22-25; 20-25; 15-25)
Sporting 3-2 Sp. Espinho, (21-25; 13-25; 28-26; 25-18; 15-8)
Ac. São Mamede 1-3 Esmoriz, (19-25; 21-25; 25-23; 28-30)
Fonte Bastardo 3-0 Clube K, (25-17; 25-14; 25-9)
Famalicense 3-0 Ac. Espinho, (25-20; 25-13; 25-17)
Leixões 3-2 SC Caldas, (25-23; 26-28; 16-25; 25-18; 22-20)
VC Viana 1-3 Castêlo da Maia, (25-27; 16-25; 25-15; 22-25)

22ª Jornada

SL BENFICA 3-0 SC Caldas, (25-21; 25-15; 25-16)
Fonte Bastardo 3-0 Ac. Espinho, (25-16; 25-20; 25-14)
Castêlo da Maia 2-3 Esmoriz, (25-22; 19-25; 26-24; 15-25; 9-15)
Clube K 0-3 Sp. Espinho, (16-25; 18-25; 14-25)
Ac. São Mamede 3-0 Famalicense, (25-21; 25-17; 25-19)
Leixões 0-3 Sporting, (27-29; 21-25; 18-25)
V. Guimarães 3-1 VC Viana, (25-23; 25-21; 20-25; 37-35)

23ª Jornada

Esmoriz 0-3 SL BENFICA, (16-25; 23-25; 13-25)
V. Guimarães 3-0 Clube K, (25-9; 25-21; 25-16)
Sporting 3-0 SC Caldas, (25-22; 25-17; 25-17)
Sp. Espinho 3-1 Ac. São Mamede (25-13; 20-25; 25-11; 25-16)
Castêlo da Maia 3-2 Fonte Bastardo, (25-22; 15-25; 26-24; 16-25; 15-12)
VC Viana 1-3 Ac. Espinho, (25-17; 34-36; 20-25; 14-25)
Famalicense 3-2 Leixões, (25-19; 25-23; 21-25; 23-25; 15-13)

24ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Famalicense, (25-9; 25-9; 25-16)
SC Caldas 3-0 Clube K, (25-17; 25-20; 25-16)
Esmoriz 3-1 VC Viana, (21-25; 29-27; 25-21; 25-19)
V. Guimarães 2-3 Fonte Bastardo, (25-17; 23-25; 25-22; 21-25; 15-17)
Sp. Espinho 3-2 Castêlo da Maia, (25-13; 21-25; 25-17; 24-26; 15-12)
Ac. Espinho 0-3 Sporting, (18-25; 9-25; 17-25)
Ac. São Mamede 3-1 Leixões, (24-26; 25-18; 25-22; 25-19)

25ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Castêlo da Maia (25-18; 25-21; 25-15)
V. Guimarães 3-0 Leixões (25-21; 25-18; 25-21)
Esmoriz 3-2 Famalicense (25-19; 25-19; 27-29; 20-25; 15-11)
Sp. Espinho 3-1 SC Caldas (25-14; 25-18; 24-26; 25-23)
Sporting 3-2 Fonte Bastardo (25-16; 25-21; 15-25; 22-25; 15-12)
Ac. São Mamede 1-3 VC Viana (25-23; 21-25; 22-25; 19-25)
Clube K 3-0 Ac. Espinho, (25-18; 25-19; 25-9)

26ª Jornada

SL BENFICA 3-0 Fonte Bastardo, (25-22; 25-18; 25-18)
Ac. Espinho 1-3 Castêlo da Maia, (23-25; 13-25; 25-21; 23-25)
SC Caldas 2-3 Famalicense, (25-23; 23-25; 27-25; 26-28; 10-15)
Esmoriz 1-3 Sporting, (22-25; 25-19; 17-25; 20-25)
V. Guimarães 3-1 Ac. São Mamede, (25-23; 23-25; 25-18; 25-18)
Sp. Espinho 3-0 Leixões, (25-14; 25-14; 25-14)
Clube K 0-3 VC Viana, (15-25; 15-25; 17-25)


PLAYOFFS

Serão jogados pelos quatro primeiros classificados da 1ª Fase. Todos os playoffs são à melhor de cinco jogos, o segundo, o terceiro e quinto jogos serão disputados em casa do melhor classificado na 1ª Fase, o primeiro e quarto jogos disputar-se-ão em casa do pior classificado, sendo que o quarto e quinto jogos só serão efectuados em caso de necessidade.

1/2 Final

Jogo 1 - SL BENFICA (1º Classificado da 1ª Fase) 3-0 Fonte Bastardo (4º Classificado da 1ª Fase)

1º Jogo: Fonte Bastardo 0-3 SL BENFICA, (21-25; 17-25; 18-25)

2º Jogo: 
SL BENFICA 3-1 Fonte Bastardo(24-26; 31-29; 25-12; 25-14)

3º Jogo: SL BENFICA 3-0 Fonte Bastardo, (25-16; 25-12; 25-15)

Jogo 2 - Sporting (2º Classificado da 1ª Fase) 3-0 Sp. Espinho (3º Classificado da 1ª Fase)

1º Jogo: Sp. Espinho 1-3 Sporting, (23-25; 25-15; 25-27; 21-25)

2º Jogo: 
Sporting 3-1 Sp. Espinho, (21-25; 25-21; 25-20; 25-20)

3º Jogo: Sporting 3-0 Sp. Espinho, (25-17; 25-22; 25-21)

Final

SL BENFICA (Vencedor do Jogo 1) 3-1 Sporting (Vencedor do Jogo 2)

1º Jogo: Sporting 3-0 SL BENFICA(28-26; 25-21; 25-20)

2º Jogo: 
SL BENFICA 3-0 Sporting(25-20; 25-19; 25-20)

3º Jogo: SL BENFICA 3-2 Sporting(25-20; 22-25; 23-25; 25-15; 15-10)

4º Jogo: Sporting 1-3 SL BENFICA, (25-19; 23-25; 16-25; 19-25)

SL BENFICA VENCEDOR DO CAMPEONATO NACIONAL 2018-2019!!!



SUPERTAÇA

SL BENFICA 3-0 Sporting, (25-22; 27-25; 36-34)

SL BENFICA VENCEDOR DA SUPERTAÇA 2018!!!





TAÇA DE PORTUGAL

1/8 Final

SL BENFICA 3-0 Leixões, (25-15; 25-18; 25-13)
GD Martingaça 0-3 Ac. São Mamede, (22-25; 16-25; 16-25)
Esmoriz 3-0 Marítimo, (25-13; 25-10; 25-17)
VC Viana 3-0 Sp. Espinho, (25-23; 25-23; 25-22)
CN Ginástica 0-3 Sporting, (18-25; 11-25; 5-25)
V. Guimarães 3-0 Famalicense, (25-19; 25-18; 25-22)
Castêlo da Maia 1-3 Ac. Espinho, (25-27; 25-15; 22-25; 23-25)
SC Caldas 1-3 Fonte Bastardo, (22-25; 16-25; 25-17; 23-25)

1/4 Final

SL BENFICA 3-0 V. Guimarães, (25-15; 25-19; 25-14)
Fonte Bastardo 3-0 Ac. Espinho, (25-16; 25-13; 25-15)
Sporting 3-1 Esmoriz, (25-27; 25-21; 25-17; 25-20)
VC Viana 2-3 Ac. São Mamede, (25-21; 25-20; 21-25; 23-25; 10-15)

Final Four

1/2 Final

SL BENFICA 3-0 Ac. São Mamede, (25-13; 25-19; 25-17)
Sporting 1-3 Fonte Bastardo (25-19; 23-25; 28-30; 22-25)

Final

SL BENFICA 3-1 Fonte Bastardo, (26-28; 25-16; 25-22; 25-20)

SL BENFICA VENCEDOR DA TAÇA DE PORTUGAL!!!





CHALLENGE CUP

2ª Ronda

1ª Mão

SL BENFICA 3-0 Pafiakos VC (Chipre), (25-16; 25-20; 25-15)

2ª Mão

Pafiakos VC 0-3 SL BENFICA, (20-25; 20-25; 15-25)

1/16 Final

1ª Mão

SL BENFICA 3-0 Iraklis Petosferisi (Grécia), (25-15; 25-23; 25-23)

2ª Mão

Iraklis Petosferisi 0-3 SL BENFICA, (13-25; 12-25; 15-25)

1/8 Final

1ª Mão

SL BENFICA 3-0 ACS Volei Municipal Zalau (Roménia), (25-21; 26-24; 25-20)

2ª Mão

ACS Volei Municipal Zalau 1-3 SL BENFICA(25-23; 15-25; 19-25; 22-25)

1/4 Final

1ª Mão

Belogorie Belgorod (Rússia) 3-0 SLBENFICA, (25-22; 25-20; 29-27)

2ª Mão

SL BENFICA 3-0 (12-15 no Golden Set) Belogorie Belgorod, (25-18; 25-23; 25-22)

SL BENFICA eliminado dos Quartos de Final da Challenge Cup.