segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Entrada com o patim direito

Hóquei em Patins - 1ª Jornada do Campeonato Nacional

Resultado Final: SL BENFICA 3 - 0 AD Sanjoanense

(2-0 ao Intervalo)

Marcadores: Diogo Rafael, Jordi Adroher, Lucas Ordoñez.





domingo, 13 de outubro de 2019

SLB avança para a Ronda de Elite como cabeça de série

Futsal - 3ª Jornada do Grupo 2 (Fase Principal) da UEFA Futsal Champions League

Resultado Final: SL BENFICA 6 - 2 Halle-Gooik

(6-2 ao Intervalo)

Marcadores: Fernandinho (2), Robinho, Rafael Henmi, Fábio Cecílio (2).



Águias atropelam Barreirense

Basquetebol - 2ª Jornada da 1ª Fase do Campeonato Nacional

Resultado Final: Barreirense 49 - 95 SL BENFICA

(1ºp: 8-21; 2ºp: 10-30; 3ºp: 18-22; 4ºp: 13-22)

Marcadores: Toure' Murry (21)Rafael Lisboa (8)Damian Hollis (19), Micah Downs (4), Tomás Barroso (12), Gonçalo Delgado (7), Eric Coleman (13), José Silva (11).


Glória benfiquista na 22ª edição da Supertaça!

Voleibol - Supertaça Nacional 2019

Resultado Final: SL BENFICA 3 - 0 Fonte Bastardo

(25-14; 25-18; 25-22
)

Pontuadores: Rapha (10), Theo (2), André Aleixo (1), Zelão (7), Honoré (8), Tiago Violas (3), Hugo Gaspar (9), André Lopes (5).









Triunfo encarnado no Restelo

Andebol - 8ª Jornada da 1ª Fase do Campeonato Nacional

Resultado Final: Belenenses 26 - 30 SL BENFICA

(13-11 ao Intervalo)

Marcadores: Petar Djordjic (7), René Toft Hansen (4), Carlos Martins (1), Nuno Grilo (6), Paulo Moreno (3), Pedro Seabra (5), Davide Carvalho (1), Fábio Vidrago (3).


quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Triunfo sem espinhas ante crónico campeão do Azerbaijão

Futsal - 2ª Jornada do Grupo 2 (Fase Principal) da UEFA Futsal Champions League

Resultado Final: SL BENFICA 7 - 0 Araz Naxçivan

(3-0 ao Intervalo)

Marcadores: André Coelho, Fits (2), Chaguinha (2), Tiago Brito, autogolo.



quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Benfica empata com actual Campeão da Ucrânia

Futsal - 1ª Jornada do Grupo 2 (Fase Principal) da UEFA Futsal Champions League

Resultado Final: SL BENFICA 1 - 1 MFC Kherson

(1-0 ao Intervalo)

Marcador: Fernandinho.





terça-feira, 8 de outubro de 2019

Porque o SL Benfica não é só Futebol...(Hóquei em Patins e Voleibol - Antevisão da Época 2019/2020)

Os próximos dias serão marcados pelo início da nova época para Voleibol, com a disputa do primeiro troféu oficial, e Hóquei em Patins, mas também pelo arranque da campanha encarnada na UEFA Futsal Champions League.

Confira a nossa perspectiva sobre os desafios onde o Glorioso será interveniente.


Por estes dias as atenções encarnadas concentram-se exclusivamente na UEFA Futsal Champions League. Entre esta Quarta-feira e Sábado joga-se na Bélgica o Grupo 2 da Fase Principal.

A responsabilidade encarnada em toda e qualquer competição é lutar acerrimamente pela vitória. Escusado será dizer aquilo que se pretende por parte dos pupilos de Joel Rocha. Sem menosprezar a valia dos oponentes, aliás no Benfica a humildade tem de estar constantemente presente, a obrigação das águias é vencer o grupo e portanto assegurar o passaporte para a Ronda de Elite como cabeça de série.

Os nossos adversários serão os ucranianos do MFC Kherson (Quarta-feira, 16h30), os azeris do Araz Naxçivan (Quinta-feira, 16h30) e o anfitrião Halle-Gooik (Sábado, 19h30). Poderá acompanhar todas partidas na BENFICA TV.

Se o apuramento diga-se será uma questão quase "trivial", a verdade é que a luta pelo primeiro lugar promete. É que todas estas equipas têm valor para poder complicar a vida de quem se quer apurar. Nesse aspecto, o Benfica arranca com um jogo em teoria mais acessível, frente à equipa ucraniana, embora nunca seja de menosprezar uma escola com tradição no futsal, muito metódica, e num plantel com alguns estrangeiros.

Depois dois velhos conhecidos do Benfica, o Araz, agora numa fase menos brasileira (ou sem brasileiros, tirando o treinador), mas com grande parte da selecção do Azerbeijão e ainda quatro iranianos, outra país em ascensão, basta nos lembrarmos que foram até às Meias Finais do último Mundial. Portanto, olhar desconfiadamente para esta equipa, mas com a vantagem de poder analisar o jogo de Quarta-feira do Araz frente ao Halle, equipa da casa e que mantém a receita do último ano: investimento forte em jogadores feitos, muitos italianos com origem brasileira, e neste caso uma grande base que também vem da última época.

Espera-se que o jogo com o Halle seja aquele que virá a definir o primeiro lugar, mas neste caso não estaria tão certo dessa situação. Nada de menosprezar os jogos anteriores, não pode haver deslizes. Relembramos ainda que no contexto europeu não se aplica a regra dos jogadores formados localmente, pelo que Joel Rocha pode levar a jogo 14 jogadores sem restrições na sua escolha, e numa altura em que não há lesionados, isso são boas noticias. Trazer a passagem da Bélgica, de preferência no primeiro lugar.

UEFA Futsal Champions League (Fase Principal) - Jogos do Grupo 2

Quarta - dia 9

SL BENFICA-MFC Kherson 16h30
Araz Naxçivan-Halle-Gooik 19h30

Quinta - dia 10:

SL BENFICA-Araz Naxçivan 16h30
MFC Kherson-Halle-Gooik 19h30

Sábado - dia 12:

SL BENFICA-Halle-Gooik 19h30
MFC Kherson-Araz Naxçivan 16h30


Às 15 horas de Sábado visitamos o Restelo. Defrontamos pois claro o Belenenses, num duelo referente à 8ª Jornada da 1ª Fase do Campeonato Nacional de Andebol. Para ver em directo na TVI 24.

No Acácio Rosa mora um adversário que tradicionalmente está super motivado quando nos defronta e que nos tem provocado dificuldades imensas. Basta recordar as nossas recentes visitas a este pavilhão.

Por outro lado a formação belenense tem sabido construir bons plantéis, este ano não é excepção, e conta com a orientação do histórico João Florêncio, que tão bons trabalhos tem feito na equipa azul. Nos últimos dois jogos claudicou, e irá procurar corrigir já no Sábado frente ao Benfica. Não vacilar é a palavra de ordem para os pupilos de Carlos Resende, depois da esperada passagem europeia, embora só nota de mérito no 2º jogo, espera-se que não haja nenhum relaxar, porque a partir daqui e se queremos deixarmo-nos de palavras bonitas e ter vitórias importantes, esperam-se muitas dificuldades em breve.

E se por um lado é possível ver evolução na equipa, melhor integração de novos jogadores, ainda há muita coisa que vai falhando e vai preocupando: a ausência de jogos com as pontas, as dificuldades de ligação entre Pedro Seabra e Djordjic ou mesmo Nyokas, e o facto da alternativa principal para central, o angolano Hebo, só agora se ter estreado. Além claro da baixa prolongada de Belone Moreira. É uma pré-época ainda dentro da própria época, há ainda muito para aprimorar, e tem mesmo de ser jogo a jogo.

Queremos um Benfica assertivo, agressivo e coeso defensivamente e certeiro no ataque. E sobretudo com uma atitude competitiva intensa e constante, de começo a fim. Jogar à Benfica. Ganhar!

Campeonato Nacional (1ª Fase) - Jogos da 8ª Jornada

Sábado - dia 12:

Belenenses-SL BENFICA 15h TVI 24
Madeira SAD-ABC 17h
Águas Santas-AA Avanca 18h
FC Gaia-ISMAI 18h
Sp. Horta-Boa Hora FC 21h

Quarta - dia 9:

FC Porto-Boavista 20h30
V. Setúbal-Sporting 21h


Este Sábado é dia de continuar no topo, na rota das conquistas, e levantar pelo segundo ano consecutivo a Supertaça Nacional de Voleibol. Pelas 17 horas em Almada o Campeão Nacional e vencedor da Taça de Portugal defronta a Associação de Jovens da Fonte do Bastardo. Dará em diferido na Sport TV 3.

No ano passado houve "Triplete" e este ano é para repetir a proeza! Portanto no Sábado temos impreterivelmente de arrecadar mais uma taça para as vitrines do Museu Cosme Damião. Ainda no Domingo passado as duas equipas mediram forças, na Final do XVIII Torneio das Vindimas que decorreu em Lamego, com as águias a levaram a melhor na "negra". Mas este será todo outro jogo.

Em primeiro lugar a Fonte apresenta uma mudança radical no plantel às ordens de João Coelho, contadas entradas e saídas são 8 caras novas no plantel, sendo que 6 delas de caras para a equipa inicial. De franceses a brasileiros, e até um cubano, de jogadores muito experientes a jovem promissores, ficou patente que esta equipa da Fonte tem margem para ir ainda mais longe este ano. Claro está que com tanta cara nova, naturalmente nesta Supertaça ainda será cedo para a equipa estar na sua plenitude, mas também é certo que uma semana a mais de treino poderá trazer benefícios.

Terá de ser um Benfica mais constante do que foi na final do Torneio das Vindimas, nomeadamente no capítulo da recepção, e também na variação e eficácia do seu ataque. Não se espera um jogo fácil, terá de ser um Benfica a muito bom nível em Almada para levar a melhor e conquistar o troféu.

A base que ajudou o Benfica a recuperar o título nacional e a conquistar todos os troféus nacionais em disputa mantém-se de pedra e cal, sob olhar atento de Marcel Matz. O técnico brasileiro teve uma época de estreia plena de sucesso, bem se pode dizer que superou as expectativas, pelo que a sua continuidade é perfeitamente natural. Tem um espírito vencedor e criou uma empatia muito interessante com a massa adepta. Esperamos que possa continuar por cá muitos anos, pois reúne todos os ingredientes para ser um treinador à BENFICA. Ele está cá há pouco tempo mas já conhece bem os cantos à casa e sabe que nós, os benfiquistas, nunca estamos satisfeitos e que a fasquia da exigência está sempre situada a um nível alto.

Quanto ao plantel, não sobram dúvidas, de que dispomos de muita qualidade. A máxima da "equipa que ganha não se mexe" foi cumprida, dado que mantivemos as nossas melhores unidades, aquelas que mais contribuíram para o trajecto glorioso de 18/19. Saíram Frederic Winters, Bernardo Martins, Filip Cveticanin. Entraram André "Japa" Alexo (internacional brasileiro que já trabalhou com Matz) e Afonso Guerreiro (que está de regresso ao Benfica), ambos Zona 4. Continuamos muito bem apetrechados nas variadas posições e estamos em crer que o enorme sentido colectivo irá perdurar. Ficamos só renitentes no caso de uma lesão de um dos centrais, a manta pode ficar curta.

Para esta época desejamos que se repita a graça de 2018/19, isto é, que a nível interno se erga o Campeonato (Bi), a Taça e a Supertaça. O Sporting, que passou a ser treinado pelo brasileiro Gersinho, é naturalmente o nosso principal concorrente e antevê-se mais uma luta titânica. Mas muita atenção ao plantel da Fonte Bastardo, e mesmo ao Sp. Espinho e Esmoriz, equipas históricas e que não podem ser metidas de lado. Na Europa iremos nos estrear na Champions League. Já se sabe que esta prova é de nível superior à Challenge Cup, pelo que não podemos aspirar a altos voos. Podemos sim exigir exibições dignas e que as águias encarem cada jogo "de per si". Por agora sabemos que na primeira ronda iremos enfrentar os bósnios do Mladost Brcko.

Supertaça Nacional 2019

Sábado - dia 12:

SL BENFICA-Fonte Bastardo 17h


No Sábado, há uma deslocação à Margem Sul. Para as 18 horas está marcado o início do confronto com o Barreirense, num jogo alusivo à 2ª Jornada da 1ª Fase do Campeonato Nacional de Basquetebol. ABOLA TV transmitirá em directo.

O Benfica enfrenta o Campeão da Proliga, que tem como objectivo claro está garantir a manutenção. Espera-se claro um jogo com menos dificuldades que a semana passada, embora uma análise mais a frio deixe claro que grande parte das dificuldades que o Benfica sentiu foram criadas por si mesmo. Portanto a semana tem que ser retemperadora, de recuperação dos lesionados, de muito treino, e de uma preparação que leve a equipa para dentro do campo com outra atitude e predisposição.

A mais-valia do plantel encarnado é incontestável e com toda a profundidade do plantel, mesmo com lesões é um luxo que José Silva não tenha somado minutos contra o Guimarães, por exemplo. Fazer mais e melhor, em todos os capítulos do jogo, a começar na atitude defensiva, na criatividade e objectividade e sobretudo soluções ofensivas, insistir no um contra um ou no um contra todos e triplos, triplos, triplos é redutor quando há jogadores tão diferentes e com tantas características diferentes a ser exploradas.

Esperando uma vitória tranquila e um Benfica mais determinado nesta 2ª ronda, enquanto se esperam os largos desafios da temporada, e podemos só relembrar que este mês de Outubro começou "devagarinho" mas segue-se recepção à Oliveirense, estreia na FIBA Europe Cup e visita do Dragão Caixa. Portanto não há tempo a perder, é tomar o melhor rumo o mais rapidamente possível.

Campeonato Nacional (1ª Fase) - Jogos da 2ª Jornada

Sábado - dia 12:

Barreirense-SL BENFICA 18h ABOLA TV
V. Guimarães-Lusitânia 14h
Esgueira-CAB Madeira 16h
FC Porto-Ovarense 18h
Illiabum-Terceira Basket 18h
Oliveirense-Maia Basket 21h

Domingo - dia 13:

Sporting-Galitos Barreiro 17h30


Voltamos à pista já este Domingo. Pelas 16 horas, iremos receber a Associação Desportiva Sanjoanense, no encerramento da 1ª Jornada do Campeonato Nacional de Hóquei em Patins. Quer a BENFICA TV quer a TVI 24 asseguram a cobertura televisiva do embate.

Aí está a primeira "final" na luta pelo título nacional. O conjunto sediado em São João da Madeira acabou de subir ao escalão máximo nacional. Tem que ser uma entrada de patim direito, com tudo e sem vacilar. Mostrar desde o começo ao que "vamos", ambição e sobretudo determinação máxima, todos os jogos, todos os minutos. Com Carlos Nicolia como baixa certa, e Lucas Ordoñez a jogar "mascarado", os olhos dos adeptos vão estar no reforço Edu Lamas, mas sobretudo se a equipa consegue apresentar uma dinâmica diferente. Passamos a explicar:

O caminho não tem sido nada abonatório nos últimos anos, depois de um período em que vigorou a hegemonia encarnada, que até se alastrou além-fronteiras. A época passada foi conturbada e prejudicial para esta secção, e o momento mais badalado consistiu na mudança de treinador. Alejandro Domínguez é o timoneiro e tem agora oportunidade de nos dirigir desde o início de época. Esperamos francamente que o argentino possa então corresponder às elevadas expectativas que existem em seu torno, e que o trabalho de pré-temporada faça a diferença.

Quanto ao plantel, optou-se por preservar a grande maioria do plantel. Não podemos descurar a qualidade que temos dentro de portas. Já nos deram muitas alegrias e podem, e devem, aumentar o seu pecúlio. É preciso ter noção de que alguns nos melhores hoquistas do mundo envergam o "Manto Sagrado". Domínguez tem indiscutivelmente de tirar o máximo rendimento de cada, pois todos eles têm características que se forem bem esmiuçadas decerto assumirão papel preponderante num percurso que se quer imperial. As condições para uma estrutura vencedora estão lá!

De notar que iremos ter um plantel constituído por onze jogadores. Realce para contratação de Edu Lamas, internacional espanhol e um dos melhores do mundo essencialmente na vertente defensiva (e nós bem precisamos de um "upgrade" neste aspecto), e para o ingresso de Gonçalo Pinto, jovem avançado que regressa à casa-mãe. Em sentido inverso, registou-se apenas a saída de Miguel Rocha. Fez parte de uma geração que nos brindou com muitos títulos. Não está em causa o seu benfiquismo, mas a verdade é que ele não evoluiu o que se desejava e esteve praticamente sempre num plano secundário em termos de protagonismo.

No Benfica estamos habituados a conjugar o verbo ganhar! De modo que a nossa ambição tem de estar orientada para ganhar tudo a nível nacional e na Liga Europeia, onde sabemos que teremos dois desafios contra o Barcelona na fase de grupos, a fasquia tem de estar igualmente bem elevada. Se há algo que temos aprendido nos últimos anos é sem dúvida a lição de que todos os jogos são cruciais. Em tese a tendência é focarmo-nos nos jogos contra os ditos crónicos candidatos (FC Porto, Sporting e Oliveirense), que se mantêm com muita capacidade, mas a realidade lembra-nos que temos perdido pontos onde menos se espera, frente a adversários teoricamente acessíveis. Por isso, todo o cuidado é pouco, é fundamental estarmos concentrados do início ao fim da época, evitar a todo o custo "dormir à smobra da bananeira". Vamos voltar ao trilho das glórias! Força, rapazes.

Campeonato Nacional - Jogos da 1ª Jornada

Domingo - dia 13:

SL BENFICA-AD Sanjoanense 16h BENFICA TV/TVI 24

Sábado - 12:

FC Porto-Juv. Viana 15h
Oliveirense-Paço de Arcos 17h30
HC Braga-AE Física 18h
Riba D'Ave-Sporting 18h30
AD Valongo-HC "Os Tigres" 18h30
HC Turquel-OC Barcelos 21h


Para consulta de tudo sobre a época 2019/2020 das modalidades, pode ver aqui:





Porque o SL Benfica não é só Futebol...

SPORT LISBOA E BENFICA!!! 1904!!!








segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Porque o SL Benfica não é só Futebol...

O Benfica cumpriu o seu dever. De sublinhar a sétima Supertaça Nacional consecutiva somada pelas gloriosas do Hóquei em Patins.

Fique com mais informações relativamente ao registo 100% vitorioso.


Triunfo bastante suado no jogo de abertura da 1ª Fase do Campeonato Nacional de Basquetebol. Os encarnados sofreram mas derrubaram o Vitória de Guimarães por 78-76.

O Benfica só encontrou a fórmula do sucesso nos últimos minutos da partida. A turma vitoriana pese embora ter menos recursos foi um "osso duro de roer", porém os anfitriões não estiveram ao nível esperado e só mesmo na fase decisiva é que estabilizaram.

O técnico Carlos Lisboa defendeu após o final da partida que este jogo serve de lição para o futuro. Esperamos que isto não seja um episódio da saga "palavras, leva-as o vento". Há muita coisa a optimizar e é imperioso ter em consideração que este ano, com a inclusão do Sporting na principal Liga, subiu para quatro o número de candidatos a vencer os troféus nacionais.

Depois das etapas europeias, esperávamos que o andamento imprimido pelo Benfica iria acabar por resultar numa vitória convincente e contundente. Na realidade não foi isso que ocorreu. O Benfica, com Gary McGhee de fora, não mudou o chip como todos ambicionávamos e sentiu dificuldades para entrar com a "mão direita". Na tarefa defensiva estivemos longe da solidez desejada e no ataque faltou-nos, entre outros predicados, sagacidade.

Os vitorianos, que se reestruturaram para esta temporada, causaram mossa e estiveram a maior parte do tempo na liderança do marcador. Ao intervalo venciam por 35-42 e no final do terceiro quarto por 56-61. Tudo levava a crer que o Benfica iria escorregar, com tanta precipitação e passividade, especialmente quando o VSC aumentou a diferença para a ordem da dezena de pontos (62-72). Mas eis que soaram os alarmes na Luz e o Benfica inverteu de uma assentada o rumo dos acontecimentos, com um parcial de 16-0 (78-72). As águias concentraram-se bastante na componente defensiva, fechando bem os caminhos para o cesto e beneficiando da falta de frescura física dos minhotos (pouca profundidade do plantel), e do ponto de vista ofensivo impusemos maior intensidade, as bolas começaram a cair, com Micah Downs a tomar as rédeas do encontro. O norte-americano foi peça nuclear na reviravolta e foi o MVP, totalizando 20 pontos, 6 ressaltos e 8 assistências.

Resultados Finais da 1ª Jornada (1ª Fase)

SL BENFICA 78-76 V. Guimarães
Terceira Basket 58-119 Sporting
CAB Madeira 66-69 Illiabum
Maia Basket 93-70 Barreirense
Lusitânia 59-91 Esgueira
Galitos Barreiro 73-93 FC Porto
Ovarense 49-91 Oliveirense


Em Andebol, a armada encarnada confirmou o favoritismo e despachou os croatas do RK Dubrava na 2ª Ronda da Taça EHF.

Nos dois encontros realizados na Luz, por acordo entre ambos os clubes, houve um denominador comum: a vitória do Benfica. Na 1ª Mão, predominou o equilíbrio como espelha o 29-28 final, ao passo que no dia seguinte as águias selaram o acesso à terceira ronda da prova europeia com uma tareia, por 16-34.

Como acima indicado, o jogo de Sábado foi pautado pelo equilíbrio. Os croatas, que contam nas suas fileiras com muitos jovens e que estão em apetrechados no que concerne à dimensão física, venderam cara a derrota mas em igual medida houve demérito encarnado, designadamente em termos defensivos (de salientar a ausência de Carlos Molina). O jogo ficou decidido apenas nos últimos suspiros de jogo com um golo de Kévynn Nyokas. O internacional francês foi nitidamente a unidade encarnada mais esclarecida ao anotar 10 golos. Depois do empate a 15 bolas registado ao intervalo, houve um ligeiro ascendente croata em determinando momento (19-22), ao qual se seguiu a reacção encarnada (24-22). Apesar da boa réplica forasteira era clara a maior valia encarnada, no entanto ela só se efectivou nos derradeiros instantes do duelo.

No jogo da 2ª Mão a história já foi diferente e mais condizente com a diferença de forças existente entre ambas as formações. O Benfica já foi mais intenso, consistente e não teve piedade. Na qualidade de visitante, as águias, desta vez com Borko Ristovski na baliza, apertaram na tarefa defensiva e no ataque foram produtivos, e em consequência disso não deram manifestamente quaisquer hipóteses (8-20 ao intervalo). Os números finais são perfeitamente elucidativos. Só deu Benfica e a formação croata, fruto da menor profundidade do plantel, acusou desgaste físico. O predador Petar Djordic foi quem esteve mais em foco, devido aos 9 golos apontados.

Resultado Final da 1ª Mão da Taça EHF (2ª Ronda)

SL BENFICA 29-28 RK Dubrava

Resultado Final da 2ª Mão da Taça EHF (2ª Ronda)

RK Dubrava 16-34 SL BENFICA


Antes da montra europeia, o Benfica goleou por 7-0 e aproveitou o aparatoso empate do Sporting para consolidar a liderança da Fase Regular do Campeonato Nacional de Futsal.

Esta 5ª Jornada foi por isso significativamente proveitosa para as nossas cores. O Portimonense foi um adversário acessível, como era expectável, e o Benfica não quis deixar escapar a oportunidade de aumentar a vantagem pontual, depois de saber do deslize do "eterno rival" na Sexta-feira.

Na quadra não houve por isso lugar a surpresas. O Benfica foi dono e senhor do jogo. As águias estão com a moral em alta, particularmente desde que ascenderam ao topo da tabela classificativa. Há que manter esta bitola! Quem diria que depois de um início de época atribulado e marcadamente negativo chegaríamos a esta fase na liderança isolada do campeonato e com as nossas melhores individualidades ao nível que já nos habituaram. Nesse aspecto salientamos a importância de Chaguinha neste momento positivo da nossa equipa. O energético brasileiro, que nos últimos tempos foi martirizado por lesões, merece mais do que nunca estar em altas e nós adoramos vê-lo neste patamar exibicional.

O Campeão Nacional, com André Sousa a assumir a baliza, foi então competente na recepção ao Portimonense, equipa que se mantém como "lanterna vermelha" e sem qualquer ponto somado. Ao intervalo, a vantagem encarnada era de dois golos. No contra-golpe Fábio Cecílio inaugurou o marcador e Robinho, com um golaço pleno de clase, assinou o dois a zero. No segundo tempo, acelerou-se um bocado e a avalanche ofensiva das águias fez mais estragos. Chaguinha e Fernandinho bisaram, e pelo meio Fits também fez o gosto ao pé.

Resultados Finais da 5ª Jornada

SL BENFICA 7-0 Portimonense
Sporting 5-5 Quinta dos Lombos
Sp. Braga 3-1 Leões de Porto Salvo
CR Candoso 4-8 Viseu 2001
Belenenses 2-5 Futsal Azeméis
Módicus 3-3 Burinhosa
Eléctrico-AD Fundão (7/10, às 20h)


Para consulta de tudo sobre a época 2019/2020 das modalidades, pode ver aqui:





Porque o SL Benfica não é só Futebol...

SPORT LISBOA E BENFICA!!! 1904!!!


domingo, 6 de outubro de 2019

Apurados para a terceira ronda da EHF Cup

Andebol - 2ª Mão da 2ª Ronda da Taça EHF

Resultado Final: RK Dubrava 16 - 34 SL BENFICA

(8-20 ao intervalo)

Marcadores: Petar Djordjic (9), Kévynn Nyokas (2), Carlos Martins (2), Nuno Grilo (5), Paulo Moreno (2), Pedro Seabra (3), Ricardo Pesqueira (2), Francisco Pereira (4), Fábio Vidrago (3), Romé Hebo (2).